segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Mais saudável, mais magra - Parte 4

Como é bom comer a nossa própria comida... tinha até esquecido. A gente pode comer exatamente aquilo que nos dá vontade, sabendo exatamente o que vai nela.
Em breve vou postar mais receitas aqui, como fazia tempo que eu não cozinhava não andava testando nada diferente.
Claro que não tem como não ir NUNCA à restaurantes durante a semana - tem dias que é simplesmente impossível cozinhar. Mas mesmo quando se vai, dá pra fazer um esforço e evitar as frituras e outras comidas pesadas e calóricas.
Uma coisa que li uns dias atrás e achei interessante foi que parte do segredo de uma alimentação saudável é só comer aquilo que sua bisavó reconheceria como comida - nada desses alimentos processados cheios de ingredientes que a gente nem sabe o que são e aditivos sintéticos.
E a nova meta é...

INCLUIR EXERCÍCIOS LEVES NA ROTINA

Os resultados catastróficos do meu último exame de sangue e do teste de idade corporal que fiz mostraram que só uma semi-reeducação alimentar não é o suficiente para ser saudável e magra novamente: o exercício também tem que entrar na rotina.

Como eu tenho um problema no joelho (condromalácia), não posso sair pulando/correndo ou fazendo exercícios pesados por aí. O ideal sempre é ter um acompanhamento profissional... mas todo mundo sabe que o ideal não é sempre possível.
Como eu já tive um acompanhamento de fisioterapeuta, sei das minhas limitações e o que eu posso ou não fazer, então vou incluir exercícios leves por conta própria na minha rotina, assim não gasto tempo pra ir e voltar da academia e vou preparando meu corpo para, quando a situação for mais propícia, fazer alguma atividade que exija mais dedicação.

Quando a gente se exercita sozinha, é sempre importante não inventar exercícios novos que nunca fez antes e usar cargas pesadas. Vou apostar em exercícios que usam o peso do próprio corpo e em movimentos comuns nas nossas atividades diárias. Para o corpo não se acostumar e eu começar a me "fortalecer" por inteiro, vou variar os tipos de exercícios e a ordem deles. Vou fazer em torno de 20min por dia, de segunda a quinta. Não é nada que se diga "meu deus, quanto exercício".... não dá pra ficar malhada/forte/magra, mas dá pra começar a condicionar o corpo, pra ele parar de ficar dolorido quando se caminha demais ou sobe muita escada. Enfim, é um começo. E todo esse meu projeto eu estou fazendo assim mesmo, em etapas suaves pra tentar deixar as coisas mais fáceis.

Eu já tenho alguns exercícios recortados de revistas separadinhos... pra quem quiser seguir meu exemplo, no site da Revista Women's Health vcs podem encontrar várias séries simples pra se fazer em casa.

Se vc perdeu alguma postagem da Tag "Mais saudável, mais magra" e ficou curiosa, clique aqui, ou vá na direta, na parte que diz marcadores e clique no nome da Tag.

Um comentário:

Garota Veneno disse...

Estou nessa batalha por uma vida mais saúdavel e mais magra!!! Amei o post!


Beijinhos, beijinhos!
Tamiris Bockmann!